Como trabalhar roteiro com excesso de palavras




Quem ouve um comercial no rádio, na televisão ou até mesmo naquele vídeo na internet, muitas vezes não imagina o caminho que ele percorre até ser veiculado.


Geralmente, o anunciante procura uma agência de publicidade que estuda e elabora a campanha publicitária, na qual, entre as peças produzidas, tem o comercial para rádio e/ou TV. O profissional responsável por essa tarefa envia o roteiro pronto para o locutor publicitário fazer a gravação do texto. No entanto, nem sempre é assim. Muitas vezes, a empresa faz o contato direto com o locutor publicitário e solicita o orçamento para determinado comercial, com determinado tempo de duração para ser propagado em tal meio de comunicação. O texto é enviado por e-mail e é aí que, muitas vezes, começam alguns desafios.


Um texto narrado em 30 segundos, por exemplo, tem em média 60 palavras, e isso significa que ao tentar inserir 100 palavras dentro desse mesmo tempo de comercial, algo pode dar errado, tal como o ritmo da fala muito corrido (quando não torna-se impossível de ser narrado), palavras mal pronunciadas e, por fim e pior que tudo, um ouvinte não conquistado e alheio à mensagem.


Mas o que fazer se o cliente enviou o texto maior do que deveria ser?


O “xis” da questão não é nem o fato de precisar cortar algumas palavras. O problema é como, onde e quais palavras cortar dentro daquele texto enorme que chega às nossas mãos.


A única certeza é que a mensagem precisa ser bem passada em 60 segundos ou 30 segundos e, às vezes, até em menos tempo, isso depende muito do tipo de comercial e o veículo no qual essa peça vai ser divulgada.


A principal dica e a mais importante é: converse com o seu cliente e tentem juntos chegar a um acordo.

Contudo, sabemos que na prática, muitas vezes, a gravação deve ser enviada muito rapidamente e a pessoa que decide não está disponível para discutir e resolver a questão, então, o melhor a fazer é gravar, além da versão solicitada, alternativas com os cortes que você considerar adequados, assim o cliente já poderá avaliar, na prática, o resultado sugerido.


Não se esqueça de enviar os textos alternativos junto com o arquivo de áudio para uma melhor avaliação.

Afinal, quem contrata um serviço sempre espera soluções de seus fornecedores e com locução não é diferente. Surpreenda seu cliente com iniciativas positivas e conquiste a confiança de quem, cada vez mais, terá em você a parceria que espera.

Posts Recentes
Arquivo
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square