Please reload

Posts Recentes

Automatização: tem como saber se uma máquina vai roubar seu trabalho?

27 Jun 2017

 

Uma página da internet divulgada pelo El Pais/Brasil diz aos usuários a probabilidade de que sejam prejudicados pela automatização

 


Esse assunto parece futurista, mas está mais próximo do que a gente imagina. Até já falamos sobre esse tema aqui no blog, no post Os computadores vão substituir a voz humana? e pelo que podemos constatar, não é apenas a voz humana que corre esse risco, mas sim toda a nossa força tarefa, independentemente se você é médico, advogado, contador, caixa de supermercado ou locutor publicitário. 


E que tal um site que diz qual é a probabilidade de você, mais cedo ou mais tarde, perder seu posto de trabalho? Essa possibilidade também não é futurista, e ela já existe e está disponível em www.willrobotstakemyjob.com. De acordo com o El País, o Will Robots Take My Job foi criado em maio pelo programador Mubashar Iqbal e pelo designer gráfico Dimitar Raykov, que leram um estudo de 2013 feito por economistas da Universidade de Oxford sobre como a automatização afetará o mercado de trabalho e decidiram tornar essa informação mais acessível ao público. A ideia demorou três semanas para ser posta em prática, e nos primeiros cinco dias de vida o site já tinha mais de cinco milhões de visitas (atualmente, já passam de seis milhões).


É bem simples fazer essa dura, bem humorada e real análise: clique AQUI, insira a palavra que corresponde à sua profissão, em inglês, e logo após selecione a área relacionada ao seu trabalho. Você pode testar “voice over” e surgirão opções como Actors, Radio and Television Annoucers, entre várias. Escolha uma, clique e você terá o percentual de automatização e, consequentemente, o nível do risco que você corre. 
O site também oferece algumas estatísticas, como o crescimento projetado de um determinado setor do mercado para os próximos sete anos e o salário médio anual do posto de trabalho, assim como o número de pessoas empregadas em determinado setor desde 2016.


Esse teste serve para atentarmos sobre a iminência da automatização das nossas ocupações no mercado de trabalho, principalmente se o nosso modelo de negócio é freelancer, no entanto, como em todas as previsões, sempre há uma margem de erro; também é preciso levar em consideração o fato de que o estudo foi feito em outro país e que, como sabemos, a nossa realidade econômica e tecnológica é outra, mas isso não nos impede de procurarmos, incessantemente, nos destacar naquilo que fazemos, buscando sempre o melhor tanto para nós, profissionais da voz, quanto para os nossos clientes.

 

 

E você, o que acha desse assunto? Comente abaixo, deixe sua dica para outras publicações e até lá!

Please reload

Siga
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square